Camões: gênio da nação & da literatura portuguesa

novembro 26, 2010 às 12:00 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , ,

 

Para saber mais sobre a biografia e o significado cultural de Luís de Camões, o vídeo “entubado” nesta postagem oferece uma pequena síntese atualizada. Por sua vez, um conjunto de ensaios de referência sobre a obra camoniana pode ser encontrado no livro Estudos camonianos, da professora Cleonice Berardinelli, obra disponibilizada AQUI pela Cátedra Padre António Vieira da PUC-Rio.

reiniciando: 2010.II

agosto 19, 2010 às 10:39 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

reiniciar

D. DINIS

Na noite escreve um seu Cantar de Amigo
O plantador de naus a haver,
E ouve um silêncio múrmuro consigo:
É o rumor dos pinhais que, como um trigo
De Império, ondulam sem se poder ver.
Arroio, esse cantar, jovem e puro,
Busca o oceano por achar;
E a fala dos pinhais, marulho obscuro,
É o som presente desse mar futuro,
É a voz da terra ansiando pelo mar.

9-2-1934

[Fernando PESSOA.In: Mensagem

Com o poema acima, no qual se entrecruzam duas importantes figuras literárias e históricas portuguesas das quais muito falaremos nas próximas semanas, o rei-poeta D. Dinis e o poeta-rei Fernando Pessoa, o blogue LUSOLEITURAS dá as boas-vindas aos estudantes matriculados este semestre nos cursos de Literatura Portuguesa 1 e Literatura Portuguesa 3 oferecidos pelo Departamento de Letras da UFS-Itabaiana. Como já foi afirmado presencialmente, este espaço virtual propõe-se a ser uma continuidade de nosso trabalho em sala de aula, principalmente um lugar de referência para as necessárias pesquisas, leituras e diálogos que dinamizam a evolução de nossos saberes e competências no estudo das literaturas de língua portuguesa. Estudo que, metaforicamente, também define para todos nós um “oceano por achar” e desbravar, tendo em vista o aprimoramento de nossas competências como intérpretes e criadores de ideias e textos.

Para ambos os cursos, nosso texto teórico de referência é o cada vez mais famoso A identidade cultural na pós-modernidade, obra de divulgação de conceitos básicos dos estudos culturais contemporâneos assinada pelo crítico jamaico-britânico Stuart Hall. Justamente por se tratar de um texto com tão importante repercussão entre as mais diversas disciplinas da área das ciências humanas e das artes, é mais do que recomendável a leitura integral do livro, embora nossa discussão se concentre nos capítulos I e III, na LitPort1, e I e II, na LitPort3.  Além dos muitos exemplares existentes na biblioteca e das cópias disponíveis na xerox do campus, uma versão eletrônica integral pode ser baixada da riquíssima biblioteca on line do curso de Letras da Universidade de São Paulo.

Para @s estudantes da LitPort1, a leitura de Hall deve ser, de imediato, diretamente articulada com a do artigo de Renato Gomes Que faremos com esta tradição? Ou: relíquias da Casa Velha (clique ao lado para lê-lo no site da revista Semear), texto que apresenta alguns parâmetros fundamentais para a problematização de referentes e produtos culturais portugueses. Aos estudantes da LitPort3, recomendamos que as descrições de Stuart Hall sobre as configurações assumidas pelas subjetividades modernas sejam desde já acompanhadas pela leitura da obra diversificada de Pessoa, facilmente acessível através do ARQUIVO PESSOA. Novamente, boas vindas e bom trabalho.

SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA INICIAÇÃO CIENTÍFICA

julho 15, 2010 às 23:53 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

ProjetoUFS color2

Projeto PICVOL 2010-2011

LEITURAS TRIANGULARES:

memória colonial, mestiçagem e relações étnicorraciais em literaturas lusófonas

Requisitos:

· interesse por um estudo culturalista das literaturas brasileira, portuguesa e angolana;

· MUITA disposição para a leitura de textos ficcionais e teóricos!

· estar regularmente matriculado em curso de graduação da UFS e ter média geral ponderada (MGP) maior ou igual a 7,0;

· não possuir outro tipo de atividade (a exemplo de estágio e monitoria) na UFS, nem estar recebendo outra modalidade de bolsa

COORDENADOR: Prof. Jesiel Oliveira (Departamento de Letras de Itabaiana)

Candidat(as)os devem marcar entrevista enviando um email para jesielf@yahoo.com.br até o dia 19/07. Da mensagem deverá constar uma breve apresentação justificando o interesse nesta pesquisa. Para maiores informações sobre o projeto, clique AQUI.

enveredando pelas mãos duplas do Barroco: roteiros de pesquisa

março 20, 2010 às 2:10 | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

ABRIL-Editorial_n3  Tal como demonstra a mais recente edição da Revista Abril, publicação do Núcleo de Estudos de Literatura Portuguesa e Africana (NEPA) da Universidade Federal Fluminense, o Barroco é uma força estética e ideológica ainda cheia de vitalidade na produção literária portuguesa contemporânea (clique na imagem para acessar a revista). Os malabarismos semânticos da agudeza, os caprichos sintáticos do engenho e a intricada melopéia com que vibra toda escrita barroca continuam a servir como recursos expressivos dos mais valiosos para traduzir verbalmente as transformações nas consciências humanas que se sucedem e se complexificam desde o advento da Modernidade. Buscando fundamentos para compreender a constituição da estética barroca, na LitPort 2 @s estudantes foram organizad@s em Tríades que se dedicarão, nas próximas semanas, à pesquisa e à leitura de textos que subsidiem as discussões em classe e a elaboração de um relatório correspondente à segunda nota da disciplina nesta unidade. A relação dos temas distribuídos entre as Tríades e outras instruções referentes a essa atividade podem ser acessados AQUI.

hansen vieira

Já quem quiser uma versão eletrônica das “Agudezas seiscentistas” de João Adolfo HANSEN (posando ao lado com António Vieira), texto que nos abrirá caminhos para o Barroco Ibérico em nossas próximas aulas, visite o site da Revista Letras, da Universidade Federal de Santa Maria. Recomenda-se a navegação nessa tradicional revista que alterna, assim como saudavelmente entrelaça, edições dedicadas aos estudos linguísticos e literários — irmãos siamesíssimos, paridos das multiformes entranhas da linguagem.


Entries e comentários feeds.